LISBOETA É DO FIGUEIRA DO LAGO
Pilotada de Vagner Borges conseguiu seu batismo clássico

João Carlos Faro

O 8º páreo de domingo, 27 de outubro, no Jockey Club Brasileiro, PROVA ESPECIAL ALCIDES MORALES, R$ 12 mil, para Éguas de 3 anos e mais idade, marcou mais um êxito de LISBOETA (F.C.4a.SP - Quick Road e Desejada Quality, por Elusive Quality), de criação e propriedade do HARAS FIGUEIRA DO LAGO.
Muito bem dirigida por Vagner Borges, LISBOETA, que vinha na 6ª colocação, avançou por fora na reta decisiva para dominar a situação, defendendo-se no final do forte arremate da favorita Greece (4.Drosselmeyer), que formou a dupla, a ½ corpo. Be Better (4.Agnes Gold) completou a trifeta, a ¼ de corpo, deixando Sabbra (5.Agnes Gold) em 4º, a 1 ¾ corpo. Goiaba Doce (4.Wild Event) deu números definitivos ao placar, a ¼ de corpo. Depois: Olympic Gstaad, Galdina, Shanghai Rubby, Highlighted e Lost Approval (largou mal e sentida, abandonou no início da reta).
LISBOETA, apresentada em forma exuberante por Dulcino Guignoni, obteve seu 3º triunfo (e o batismo clássico) em 11 apresentações. O tempo para os 1.500m, grama (3m) leve, foi de 1’28”70.


Lisboeta, com V.Borges, segue evoluindo 



 

 
 
 

© 2019 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.