NÃO DA MAIS, DE PONTA A PONTA
O castanho filho de T.H.Approval é do Haras Phillipson

            No domingo, 5, tivemos a disputa no Hipódromo de Cidade Jardim do GP JULIANO MARTINS (G.1) - PANATLÂNTICA / INCOFLANDERS, R$ 30 mil + R$ 7.878,79 (Added), em 1.500m, grama macia, reunindo doze Produtos de 2 anos. O vencedor foi NÃO DA MAIS (M.C.2a.SP - T.H.Approval e Espetacular por Pitu da Guanabara), de criação e propriedade do HARAS PHILLIPSON, que dirigido por Ruberley Viana, tomou a ponta e assim veio, suplantando por pescoço a Bien Sureño (First American) - que manheirou em toda a reta -; ficando na terceira posição a 1 corpo Davy Jones (Que Fenomeno) - de bela atuação -; 5 ¼ corpos à frente do quarto colocado Baita Blade (Drosselmeyer); fechando o marcador a ½ corpo Iquealis (Que Fenomeno). A seguir: Old Shipman (prefere a areia), End do Jaguarete, Kodiak King, Keep Down, Peter Wells, Nemesis Giant e Impecavel. O vitorioso tem no preparo o experiente Afonso Flório Barbosa (Campinas) e percorreu a distância em 1’28”500. Esta foi a 2ª vitória (CJ - 1ª clássica) do invicto Não Da Mais.


Não Da Mais, com R.Viana, resistiu a tudo e a todos

 

 

 

 
 

© 2018 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.