CAMINHO DO PRADO
João Carlos Faro

* GP BRASIL COROA PARTICIPAÇÃO DE LUIZ ESTEVES - O treinador conquistou pela 3ª vez consecutiva o GP Brasil, carreira mais importante do turfe brasileiro. Campeão da estatística de treinadores do turfe carioca pela primeira vez este ano (mesmo faltando quase um mês para o final do ano hípico), Esteves vem marcando seu nome em letras garrafais no rol de tricampeões da prova, realizada, ininterruptamente, desde 1933 no Hipódromo da Gávea. Em 2017, Esteves venceu com VOADOR MAGEE (Stud Eternamente Rio) e no ano seguinte com QUARTETO DE CORDAS (Haras do Morro). Este ano, foi à vez de GEORGE WASHINGTON (Stud Happy Again), um potro que tinha corrido 12 vezes e obtido uma única vitória - na pista de areia e há quase um ano (11 de agosto de 2018). Caprichoso e muito bom observador, Esteves fez três inscrições este ano: além do ganhador, anotou Agassi (Stud Verde), que vinha de 2 vitórias, a última no GP Doutor Frontin (preparatória para o GP Brasil); e Leviatan (Stud Eternamente Rio). A mais ousada, sem dúvida, era a de GEORGE WASHINGTON. No entanto, ele sempre acreditou no potencial desse potro. E viu o filho de Redattore ganhar com absoluta facilidade, dando grande alegria a seus pares. Vale ressaltar, também, o trabalho de toda a equipe do Esteves e a direção enérgica de Marcelo Gonçalves, que desde 2006 (quando levou Dono da Raia, do Stud Mictik à conquista) não passava na frente e que na véspera provou o gosto amargo de uma desclassificação em prova do Grupo 1 - a de Efetivo Bull no GP Major Suckow. O êxito de GEORGE WASHINGTON - numa atropelada espetacular - compensou a decepção do dia anterior. Enfim, personagens com histórias interessantes e que vão acrescentando dados à mística do GP Brasil.

* PELLEGRINI - Luiz Esteves informou que George Washington está fora da Breeders’ Cup. Sua campanha será traçada visando o GP Carlos Pellegrini, em dezembro, na Argentina.

* EDGAR ABIP MUZA (I) - Este famoso radialista de Bagé, compareceu mais uma vez ao GP Brasil e transmitiu as provas de G.1 para as rádios Cultura e Visão Geral. As narrações foram do jornalista Marcos Rizzon.

* EDGAR ABIP MUZA (II) - Nesta quinta-feira, 13, por proposição do Vereador Santo Geraldo Camacho, Muza será homenageado pela Câmara de Vereadores de Bagé pelos seus 60 anos de rádio.

* JET LAG - Este potro filho de Public Speaker e Emissora Regional, por Trempolino), de propriedade de Alberto Juarez Tiellet Miorim, campeão do Derby Carioca no último dia 20 de abril, teve o added pago e seria uma das forças do GP Brasil. Entretanto, sofreu contratempo durante um treinamento (oito dias antes da importante carreira) e foi retirado do campo da prova pelo Valter dos Santos Lopes, ainda antes do sorteio das balizas.

* JORGE RICARDO USA COLAR CERVICAL - O recordista mundial de vitórias - soma 12.967 - na carreira, vai se recuperando lentamente do sério acidente que sofreu na quarta-feira (29/5), no Hipódromo de San Isidro. Com fraturas no nariz, em sete vértebras e fissura em duas costelas, o campeão brasileiro passou a usar um colar cervical para proteção do local. Ricardo já teve alta.

* MAIS UMA SEMANA DE POUCAS NEGOCIAÇÕES NOS CLAIMINGS - Com apenas 2 reuniões, a semana compreendida entre os dias 2 e 3 de junho, apresentou apenas duas negociações nos páreos de claiming, ambas na corrida de domingo (2). No 3º páreo, o STUD TELJUMAFER ficou com o ganhador Pat O’Brien; no 5º páreo, ALVARO ALVES DE MATOS JUNIOR arrematou Gainna, que foi desclassificada de 1º em favor de Pratas Cat.

* D.STAITI JÁ É DE 3ª CATEGORIA - Este aprendiz obteve a sua 5ª vitória graças ao triunfo de Xarada Corunilha, do Stud Pegasus Alado, aos cuidados do treinador Jairo Borges, na carreira inicial de segunda-feira (3), na Gávea. Com isso, ascendeu à 3ª categoria e passa a descarregar 3 quilos.

* MATRÍCULA EM CARÁTER EXTRAORDINÁRIO - A Comissão de Corridas do JCB concedeu matrícula de treinador, em caráter extraordinário, para o período compreendido entre os dias 29/5 e 22/6, a Marco Antonio Rosa dos Santos (M.A.Santos nos programas de turfe), 2º gerente do treinador I.C.Botelho.

* PROFISSIONAIS SUSPENSOS - Foram suspensos na Gávea, segundo o boletim da Comissão de Corridas do JCB de 4/6, os seguintes profissionais: D.NETTO (Pinot Noir e Shadow Night), de 12/6 a 19/7, por atrasos na apresentação de seus pensionistas no Serviço de Veterinária; J.BORGES (Liquore), de 12/6 a 11/7, por diversidade de performance; M.ALMEIDA (Gainna), de 15 a 22/6, por prejuízos com alteração no resultado do páreo; e, por delitos de raia, V.MOTA (Invencível Bisca), nos dias 15 e 16/6; E.FERREIRA FILHO (Ceu-Sol-Sul), no dia 16/6; e o jóquei A.QUEIROZ (Baruk do Jaguarete), no dia 22/6.

* JOQUETA V.MOTA, A MAIS MULTADA - O total das multas aplicadas pela Comissão de Corridas do JCB, segundo o Boletim de 4/6, foi de R$ 1.590,00, com 2 casos de excessos de pesos. O profissional mais multado foi V.MOTA: R$ 385,00 por duas infrações, sendo R$ 100,00 por uso imoderado do chicote (18 chicotadas em Tricolore Cat na reta) e R$ 285,00 por excesso de peso montando a égua Upis.

* APOIO: ODMED.

 

 
 
 

© 2018 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.