HIPÓDROMO DO CRISTAL
Marcos Rizzon


CHELSEA DOLLAR E GLORY WARS SÃO OS LÍDERES

AMERICAN TIZ DEU UM PASSEIO

CRIAÇÃO PERDE CARLOS ARMANDO REINIGER


Carlos Armando Reiniger

* Faleceu no sábado, 20, aos 83 anos, Carlos Armando Reiniger, que foi titular do Haras Santa Amélia. Causa: um AVC em decorrência de um câncer linfático. Deixa a esposa Maria Amélia, 5 filhos e 10 netos.

* Reiniger criou PSI desde 1966 em Bagé (RS). Foi o primeiro criador gaúcho a vender cavalos em São Paulo.

* Na cancha reta brilhou com Endereçado e Bridon.

* No Prado destaque para Hojo, Caduto, Contenido, Atraída, Adornada, Jujuy, etc.

* Carlos Armando foi Conselheiro da ABCPCC desde a gestão de Hernani Wallace Azevedo Simonsen de Azevedo Silva até 2014.

* Ganhou com animais de sua criação todos os grandes Clássicos do interior do Estado, quando este era forte. Foi membro da AGCCC desde a sua fundação. Aos seus familiares os nossos maiores sentimentos.

* Boaz confirmou seu favoritismo, mas o Norton Silva teve que se desdobrar. Ponto para Billion Dollar (destaque da jornada), criação do Allan Mello Guerra e propriedade do seu Stud Alnatural. Felipe Vieira, o responsável. 

* Qllercia, no último pulo, graças a tocada do Henrique Oliveira. A filha de Tiger Heart é de criação do Haras Tessarollo (do Carmelino), propriedade do Stud Blue Red (Cacalo, filho Roberto e Guerrinha) e preparo do Alcione Fontoura Chaves. 

* No Clássico Oswaldo Aranha, Chelsea Dollar, com J.Sousa perfeito, aparou por pescoço o ataque da Paraty. Dupla das menos apostadas. A filha de Billion Dollar, de criação do Haras Alves Teixeira (fará seu leilão esta semana), propriedade do Stud Vô Chico e Haras Troiano Fialho foi apresentada pelo Fernando Silva. 

* No Clássico J.A. Flores da Cunha, novo show de Glory War, com o Lucas Conceição quieto. O pupilo do competente Herminio P. Machado é filho da nova revelação Holding Glory, criação do Haras Cerro Formoso e que pertence a Ricardo Corrêa. Este corre muito!

* Idolatria Export, largou e acabou. R.Dornelles e Fernando Silva, nota 10. Novo triunfo para Billion Dollar e para criação do vitorioso Haras Nijú. A propriedade é do Haras Nova Vitória, do Gedson e do Gilmar Grützmacher. 

* Entre os potros, Veredito, com o N.Silva, ganhou com autoridade. O crioulo do novato Stud D & MB, filho de Desejado Thunder, é treinado pelo Anderson S. Garcia, que nunca passa em branco.

* Neste páreo duas retiradas por indocilidade: Pogain e Ilhéus Is Back. É necessário mais rigor no teste de partidor para não acontecerem problemas como estes e eles estão virando rotina...

* No Clássico Estensoro, um vareio do melhor fundista na atualidade do Cristal: American Tiz. Brilharam Daniel Staiti Ap.1 - que conquistou sua 1ª vitória clássica -, Paulo Neri de Lima Bergamo, Mauricio Roriz dos Santos e E.Paim (que está substituindo o Adriano Soares, que está suspenso). Aeromani, voltou a correr bem e formou a dupla.

* Favorito e Mau, com o Leandro Costa “up”, na segunda do Anderson Garcia, venceu com autoridade. O filho de Christine’s Outlaw, é crioulo do Dr. Henrique Viçosa e pertence ao ex presidente do J.C. de Cachoeira do Sul - Diego Félix Chaves - que é o mais novo criador da raça PSI. 

* Mister Kodiak, mais um êxito para Kodiak Kowboy, Antony Renan e Anderson S. Garcia (em sua 3ª vitória). 

* Billion Lover, com R.Dornelles, na 3ª do Billion Dollar e do Fernando Silva. Mais uma para o Haras Alves Teixeira. 

* As apostas melhoraram via Rio de Janeiro, mas pioraram um pouco via São Paulo. Vamos aguardar!

* A partir de março teremos a volta das corridas semanais. Como estamos com “bandeira preta”, talvez as mesmas aconteçam sem a presença de público.

* Na última edição - na Carta Ao Leitor - colocamos que seria formada por indicação da AGCCC - uma Comissão com 5 participantes, visando gerir R$ 2,5 milhões para o turfe dos R$ 10 milhões iniciais da monetização da torre. Dr. Paulo Meira ligou-me para dizer que estes 5 escolhidos obrigatoriamente deverão ser sócios do JCRGS.

 

 

   
     


© 2020 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.