HIPÓDROMO DO CRISTAL
Marcos Rizzon


DEUCLIDES GUDOLLE E SERGIO BAUMGARTEN FORAM ACLAMADOS
SUCESSO TOTAL O FESTIVAL DE NARRADORES
AMERICAN TIZ, SEM RIVAIS

 


Regina Baumgarten e Maria Lúcia Gudolle

 


Sergio Baumgarten, Paulo Meira e Deuclides Gudolle


* Na última quinta-feira tivemos eleições no JCRGS e foram aclamados para o próximo triênio Deuclides Palmeiro Gudolle e Sergio Baumgarten.

* Dr. Paulo Fernando Brown Meira presidiu a assembleia que teve votos de 89 sócios, sendo 88 deles válidos e 1 em branco. Boa sorte aos novos mandatários.

* O dia chuvoso foi festivo, com cada prova tendo um narrador homenageado pela entidade. A Betsson patrocinou o evento e cada um deles recebeu R$ 1,5 mil.

* Luis Gustavo Manhago narrou a vitória de Vencedor Virtual, com o Lucas Conceição perfeito no filho de Crocodilo Dandy, criado pelo Haras Nova Vitória e treinado pelo Luciano Arias.

* Eu descrevi o fácil triunfo de ponta a ponta da Olympic Zip, bem levada pelo Rodrigo Pereira e treinada pelo Cristian Moura. Novo triunfo para a dupla Oliver Zip/Haras Celcape (Celso Peluso).

* Nathanael Moraes veio de Cachoeira do Sul para transmitir o êxito de Vincitore, também filho de Oliver Zip, sob o preparo de Herminio P. Machado.

* No Clássico Almirante Marquês de Tamandaré, Airton Barnasque relatou mais um laurel do melhor animal em atividade no Cristal. American Tiz fez brilhar D.Staiti Ap.1, Paulo Neri de Lima Bergamo,  - Mauricio Roriz dos Santos e Adriano Soares. Muito boa a atuação do Adriansassy, muito bem dirigido pelo Bernardo Pinheiro.

* O pelotense Juliano Barbosa foi tranquilo na vitória do Iquealis, com o Leandro Costa “up”, no filho de Que fenômeno, que pertence ao Professor Marco Antonio Dexheimer. Nota 10 para o colorado Gerson Fernandes no treinamento.
  
* O homem do “De Volta Ao Passado” - Marco Oliveira -, narrou Under Pressure no alto do pódio, com L.Conceição e o L.Arias como responsáveis no filho de Courtier, crioulo do Stud Don Juan e de propriedade do Dr. Alberto J. Tiellet Miorim.

* Adroaldo Guerra Filho, o “Guerrinha”, esteve magnífico na narração do Gran Effect, que desencabulou. R.Dornelles, Dr. Ulisses Lignon Carneiro e o V.Oliveira foram os protagonistas.

* E o Thiago Guedes trouxe a favorita My Endless Love para o disco. Foi a terceira do destaque L.Conceição. A filha de Tiger Heart é cria do Haras Santarém e foi apresentada pelo eficiente Anderson S. Garcia, que nunca passa em branco.

* As apostas seguiram com a melhora de 30% via Jockey Club Brasileiro.

* Marcelo B. Souza (42), Leandro Costa (32) e Lucas Conceição (28) lideram.

* Manoel Duarte (31), Luciano Arias (25), Herminio P. Machado (23), Anderson S. Garcia (21) entre os treinadores.

* Tiger Heart (19), Billion Dollar (17) e Oliver Zip (16) brigarão até o fim.

* Wild Event (21) e Roi Normand (21), como o primeiro levando vantagem em somas ganhas.

* Stud Sion (27) e o Dr. Alberto J. Tiellet Miorim (16), protagonizam.

* O Haras Celcape (15) e o Haras Alves Teixeira (13), lindo duelo.

* Oliver Zip (5) e Holding Glory (4), tudo igual.

* Quem ganhar a 6ª levará. Nada mudou. Seguem empatados Adriansassy, Bianca Light, Lucky do Iguassu e Niobio.

* Nesta quinta-feira teremos a revanche na abertura do SuperTri inicial entre Go Olivia Go (3) e Nimmes (6).

* Para seguir com os 100% é bom levar a parelha 1 - Leon de Lyon, Tiger Shrimp (4) e Rio Cheio (6).

* No Clássico Duque de Caxias, três forças se destacam: Quéchua (2), Best Dubai (3) e Never On Sunday (4).

* Niobio (2) deve seguir invicto. Dupla com o He Knows (6). A mesma da última.

* Querido Lô (4) pode desencabular. Woodhead  (2), Lindeiro (3) e Dicabron (7), os rivais.

* Parece que chegou a vez do Sunrise (3).

* Na abertura do SuperTri Final vamos confiar na parelha 1 - Ponta Leste/Iolanda, do Global Oil. Gaia Prateada (8) a inimiga.

* Ristretto/Real Invido (1), Kennon (4) e Bextor (8), no fechamento.

 

   
     


© 2020 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.