Milton Lodi
 
 
 

IMPORTANTE MEETING

         O sábado dia 7 de abril e o domingo dia 8 de abril de 2018 proporcionaram ao Jockey Club Brasileiro a oportunidade, com os seus dias ensolarados após várias noites de fortes chuvas, de realizar um meeting muito especial, tendo como provas centrais as duas últimas provas das tríplices coroas, uma delas o Derby carioca.
Um bom público compareceu às corridas, que foram especialmente muito disputadas. Turfistas de outros Estados compareceram para abrilhantar o meeting. O final do GP Cruzeiro Sul, o Derby, foi eletrizante quando, após um ótimo percurso do pilotado por Valdinei Gil, que correu na ponta imprimindo um ritmo que lhe convinha, apresentava-se como o provável vencedor, até que surgiram dois representantes do vitorioso Haras Doce Vale em violenta atropelada. Mas o fotochart mostrou que o pilotado de V.Gil, treinado por Roberto Solanes, cruzara a linha de chegada com focinho de vantagem. O vencedor, de nome Olympic Hanoi, de criação e propriedade do Haras Regina, é um filho do norte-americano Adriano, um garanhão importado e de propriedade do Haras Santa Maria de Araras, que até então não havia produzido um filho de tanta qualidade, provavelmente por ter à sua frente preferencialmente no Araras os reprodutores campeões Wild Event e Put It Back, que justamente recebem a preferência por serem considerados de comprovada altíssimas classes.
A linha materna de Olympic Hanoi é de significativa importância para o turfe brasileiro, pois a mãe dele, uma norte-americana importada pelo Regina, tem simplesmente como mãe a extraordinária campeã brasileira Riboletta, com também impressionantes resultados nas pistas dos Estados Unidos.
A outra prova da tríplice coroa, o GP Zélia Gonzaga Peixoto de Castro teve como vencedora Future Queen, do campeão Araras, filha de Wild Event em filha de Put It Back.
A representação carioca, no meeting do dia 6 de maio em Cidade Jardim, semana do GP São Paulo, deverá ser muito forte, reforçada pela potranca de 3 anos líder nacional Silence Is Gold, e de mais outros importantes corredores. Os potros Olímpio, do Haras São José da Serra, e Arrocha, do Haras Estrela Nova, que foram muito bem na 2ª prova da tríplice coroa de produtos mas que não confirmaram aquelas brilhantes performances no Derby carioca, são mais dois nomes que poderão reforçar a forte comitiva carioca.
A tarde do GP Cruzeiro do Sul e do GP Zélia Gonzaga Peixoto de Castro, foi gloriosa para o turfe brasileiro.

 

 

 
 

© 2018 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.