CURTAS-PR
Dalton Mehl Andrusko

* PENSAMENTO DA SEMANA - COMECE A SUA SEMANA ACREDITANDO... que os dias ruins passam, que os ventos fortes se acalmam, que as tempestades cessam, que o amor de DEUS nos fortalece e que tudo que colocamos nas mãos dele em oração crendo, acontece! BOA SEMANA (Cecilia Sfalsin)

* DESTAQUE DA SEMANA - Desta feita vamos enaltecer os nossos profissionais, bem como a nossa raia, pois os animais aqui preparados vão a Cidade Jardim e Gávea e trazem muitas vitórias em sua bagagem.

* NESTA QUINTA-FEIRA... - A confecção do programa para o próximo dia 22, quando teremos como atrações as Provas Especiais Raphael Munhoz da Rocha (1.200m), Duque de Caxias (1.600m), Bento Munhoz da Rocha Neto (2.200m), todas destinadas a Produtos de 3 e mais anos, e Moyses Lupion (1.600m), para Éguas de 3 e mais anos. Todas Tabela II. O programa sem montaria será formado nesta quinta-feira, quando a Comissão de Corridas estará recebendo as inscrições.

* CANDIDATO À TRÍPLICE COROA - Uma vitória sensacional conseguida por Mestre do Iguassu, do Haras Rio Iguassu (Paulo e Luis Felipe Pelanda), no GP Jockey Club de São Paulo (G.1). Foi um mano a mano em toda a reta de chegada, proporcionado por dois dos melhores jóqueis em atuação no turfe brasileiro, André L. Silva no ganhador e o mestre Carlos Lavor no dorso de Não Da Mais. O filho de Glória de Campeão e Rainha Carolina (Roi Normand), de criação do Stud TNT, que já havia ganho o Ipiranga, vai com tudo para o Derby, a ser disputado no próximo dia 9 de novembro, quando poderá colocar o seu nome na galeria dos ganhadores. Ademar de Barros Pereira responde pelo preparo, tendo na parte veterinária o bom “caráter” Mauricio Pontarolo. O tempo para os 2.000m (GL) foi de 1’57”894, com parciais de 24’352 e 12”485, desbancando o recorde da prova que era de Kará de Birigui, com 1’57”976.  Parabéns a toda a equipe do hipódromo e do haras. Haja coração.


Bruno, Mauricio Pontarolo, Luis Felipe, Paulo Pelanda, Marcelo Motta
e Renato Bonfiglioli na entrega dos troféus de Mestre do Iguassu


* REPETIU - Como acontecera em sua estreia no Tarumã, quando venceu por mais de 10 corpos, Bandoleiro Grego (Desejado Thunder e Rainha da Grécia por Blade Prospector), de propriedade do Stud A.M.L., treinado pelo Beto Feltran (parabéns pela entrevista à TV Jockey), humilhou os rivais na prova de abertura do festival do último sábado em Cidade Jardim, ganhando ao puro galope, com Zeferino M. Rosa sendo um mero “coadjuvante”. Sem desprezar a categoria dos adversários, foi um “massacre”. Tempo para os 1.300m (AM) foi de 1’18”122 (24”596 e 12”653). O crioulo do Haras Ponta Porã está invicto.

* VÁRIOS E VÁRIOS - O paranaense Keep Down, de criação do Haras Palmerini, “dividiu a raia” ao vencer de ponta a ponta o GP Presidente Antonio Correa Barbosa (G.3), em Cidade Jardim. O filho de Amigoni e Sereia (USA.Lido Palace), deixou o segundo colocado a perder de vista (13 corpos).  

* FORAM DAQUI - Nem tudo foi festa no sábado em Cidade Jardim. No Clássico Emerson, Ikepela (Silent Times/Haras Cifra - M.S.Oliveira) fechou em 4º; Hey Bubble (Adriano/Stud Melão - M.F.Gusso) e Chateau Langlet (Salto/Gilberto Luiz Koppe - Z.M.Rosa/E.AraUjo), terminaram em 5º e 6º, respectivamente. No GP Diana (G.1), Força (Salto/Haras Garcez Castellano – E.Araujo), reprisou o seu feito anterior, quando cruzou o disco em 3º. Trata-se de um ótimo produto, pois seu retrospecto é muito bom. Mostrou que não escolhe pista. Vai dar grandes alegrias a equipe do Castellano. No GP Jockey Club de São Paulo (G.1), as presenças de Atila The King (Forestry/Marcus José Andrade da Cunha - V.S.Paiva/D.Antunes) e Neruda (Setembro Chove/Stud Vincere - L.R.Feltran), fechando a carreira em 5º e 7º, respectivamente. 

* BETO FELTRAN - Além de vencer o 1º páreo, ele foi à fotografia da vitória com o estreante Olympic Jack (Agnes Gold), de criação e propriedade do Haras Regina, que em 2 corridas aqui, não rendeu o esperado. Mas na grama a conversa foi outra, carimbando o seu passaporte. Tempo registrado para os 2.000m: 2’00”540.

* RETROSPECTIVA -  Eles foram os melhores do trimestre (julho, agosto e setembro). O primeiro CAMPELANDA (Midshipman e Rainha da Serra por Torrential), criação do Haras Santa Rita da Serra, propriedade do Haras Rio Iguassu/Stud My Hero Dad, vencedor da Copa ABCPCC (L) - Regional.

* DEPOIS... - Foi a vez de Just Speaker (Public Speaker e Mulata Assanhada por Royal Academy), de criação do Haras Palmerini, propriedade do Stud Lecce (Rotildo Slaviero Junior), levar a Taça Hipódromo do Tarumã.

* TAÇA JOCKEY CLUB DO PARANÁ... - Para Produtos de 3 e mais anos, em 2.000m, ficou com Galã (Cisne Branco e Una Campeona por Signal Tap), de criação Haras Santa Maria de Araras, propriedade do Stud São José dos Bastiões, treinamento E.Vieira. No mesmo dia a Prova Especial Polícia Militar do Estado do Paraná teve como vencedor Slam Of Cat (Forestry e Flippers Gais por Qais), de criação e propriedade do Haras Cima, treinamento de Olívio Zantedeschi.

* FECHANDO... - Vamos as carreiras principais da semana do Paraná. No GP Paraná (G.3), triunfo de Ultra Bom (Quick Road e Uaiasol por Choctaw Ridge), sob a tocada do “internacional” Altair Domingos, treinamento de Victorio Fornasaro, criação do Haras Calunga, propriedade do Stud São Marcos Paulista.

* NO CLÁSSICO GOVERNADOR DO ESTADO (L)... - Em 1.600m, para Produtos de 3 e mais anos, vitória do gaúcho Dark Bobby (Shanghay Bobby e Magny Cours por Our Emblem), criado pelo Stud Birigui, propriedade da parceria Stud Stabile & Quintella e preparo do Adélcio Menegolo.

* CLÁSSICO CIRO FRARE (L)... - Em 1.200m, destinado aos velocistas, triunfo de Don Arlindo (Crafty C. T. e Irada por Choctaw Ridge), com Nelson Alexandre Santos “up”, treinamento do Edgard Barcelos Araujo, criação do Haras Nijú, propriedade de Athayde Lopes.

* CLÁSSICO PRIMAVERA (L)... - Destinado as fêmeas foi de Golden Pacific (Agnes Gold e Pacific Girl por Hard Spun), criação do Haras Anderson, propriedade do Haras Sweet Carol, apresentada pelo Adélcio Menegolo. A milha em pista de areia encharcada foi percorrida em 1’41”60.

* PROVA ESPECIAL SILVIO BATISTA PIOTTO... - Reservada a Produtos de 2 anos inéditos, em  1.400m, vitória de Tarsilio, de criação do Haras Santarém, propriedade de Jamil Name Filho. Tempo: 1’28”40. A dupla Vicente S. Paiva e Marcio Luiz Decki foi a responsável pelo sucesso do filho de Tiger Heart e Inny (Pulpit).

* DADOS - A ABCPCC irá fornecer ao Ministério da Economia informações relativas à cadeia produtiva do turfe. Serão dados referentes aos serviços e investimentos sobre à indústria do PSI. Está mais que na hora do pessoal do Ministério tomar ciência desta atividade que emprega milhares de pessoas direta e indiretamente.

* CRIAÇÃO - Em 2018, nasceram na América do Sul 13.837 produtos PSI, dos quais 7.156 na Argentina, 1.769 (Chile), 1.735 (Brasil), 1.572 (Uruguai), 578 (Venezuela), 528 (Peru), 188 (México), 172 (Panamá), 72 (Equador), 50 Paraguai) e 17 (Colômbia). Em número de garanhões o Brasil (144) está atrás da Argentina (756) e Uruguai (345). O nosso país conta com 1.752 reprodutoras, contra 12.549 (Argentina), 2.874 (Uruguai), 2.482 (Chile). Dados fornecidos pela Organização Sul-Americana de Fomento ao Puro-Sangue Inglês.

* HARAS RIO IGUASSU - Depois de um ótimo segundo na estreia, Life do Iguassu, por Jeton de Luxo (primeiro descendente) e Tagarela Doc (Lucky Doc), de sua criação, venceu de ponta a ponta e sem uso do chicote, o quarto páreo da programação da última sexta-feira no Cristal.

* COUDELARIA BAPTISTA EM ALTA - No sábado (28) na Madalena, em Recife, No Ar, levou a carreira principal. Na terça-feira (1º) na Gávea Quinto Di Treviso, por Salto e Krizia (Filago), venceu o 5º páreo, ao puro galope (6 corpos), confirmando o seu grande favoritismo. Adélcio Menegolo responde pelo preparo. Mandou 1’20’32 para os 1.300m (AVM). Correu 13 (10 GV, 3 TR) conquistando 2 vitórias (GV) e 6 colocações (4 GV, 2 TR).

* BRILHOU... - A farda do proprietário Maycon Luiz Mudrek Antunes (filho do treinador Dílson Antunes) em Cidade Jardim, através da vitória da favorita Mutlu San (Cape Town), de criação do Stud Red Rafa. O treinamento está a cargo do paulista Iorasil F. Ribeiro. Empregou para os 1.200m (GM): 1’11”286. Correu 9 vezes (2 CJ, 7 TR) com 2 triunfos (CJ, TR) e 4 colocações (TR.).

* FEZ BONITO - O quarteto Valmir Rocha, seu irmão V.F.Rocha (treinador), Maria Leonice do Nascimento da Silva e o criador Coudelaria Colaço, festejou a vitória da favorita Buena do Rock, uma Red Rock Canyon e Que Buena (Nedawi) em Cidade Jardim. Tempo: 1’32”280 (1.500M-GM). Correu 4 vezes (3 CJ, 1 TR) com 1 primeiro e 2 colocações (CJ).

* MAIS UMA... - Conquista do Haras Santarém em Cidade Jardim, desta vez com Qing Yuan (Pioneering e Bossa Nova por Choctaw Ridge), carreira disputada em 1.300m (AM). Tempo: de 1’17”536. Correu 37 vezes (CJ), conquistando 5 êxitos e 23 colocações.

* COMO CRIADOR - O Haras Belmont Ltda, do Dante Franceschi, vibrou “via telinha” com a fácil vitória de Royal Ship (Midshipman e Bela Val por Val Royal). O tempo para 1.600m (GM) foi de 1’35”43. Em 4 saídas ganhou 2, além de 2 colocações, todas na Gávea.

* PARANAENSE... - Levou o Clássico Eurico Solanes (L) na Gávea. Wind Of Change (Forestry e Academia Real por Banker’s Gold), criação do Haras São José da Serra, venceu a prova por pescoço.

* ELES VENCERAM NA GÁVEA - Filandesa (Mellon Martini), de criação e propriedade Stud Villas de Aguiar (1.400m-AP - 1’29”14); Dr.Burlamaqui (Glória de Campeão), no final (1.200m-AVM - 1’15”84); Eleita D’Anafer (Kodiak Kowboy), criação e propriedade do Stud Ferragus (1.300m-AVM - 1’22”46); Cavalo Marinho (Silver Train), de criação do Haras Truc (1.400m-AM - 1’28”16); Fisher King (Adriano), nos lances decisivos (1.500m-AM - 1’36”61); General Time (Phone Time e Out Of Touch por Arch), de ponta a ponta (1.000m-GM - 57”22); Geluve (Phone Time e Carol’s Street por Street Cry), nos últimos 30m, treinada Adélcio Menegolo;

* O NOSSO ABRAÇO - Ao proprietário Tiago de Matos Leão e ao veterinário Alessandro Mercadante, que na semana que passou, completaram mais um ano de vida. Lembramos que todos os grandes desejos começam no coração. E de coração desejamos a vocês saúde e muitas vitórias!

 

 
 
 

© 2019 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.