CURTAS-PR

* PENSAMENTO DA SEMANA - “Abençoemos aqueles que se preocupam conosco, que nos amam, que nos atendem as necessidades... Valorizemos o amigo que nos socorre, que se interessa por nós, que nos escreve, que nos telefona para saber como estamos indo... A amizade é uma dádiva de Deus... Mais tarde, haveremos de sentir falta daqueles que não nos deixam experimentar solidão.” (Chico Xavier)

* DESTAQUE DA SEMANA - O Paraná sempre foi grande revelador de talentos, como Pedro Gusso Filho, Pierre Vaz, Carlito Taborda, Virgílio Pinheiro Filho, Antonio Bolino, João Moreira (ídolo em Hong Kong) e o maior deles Luiz Rigoni, considerado o melhor freio que já pintou em nosso território. Sabemos que é muito cedo para afirmar, mas cremos que este menino Eduardo Neves poderá ganhar algumas manchetes futuramente. Gostamos muito de sua estreia. Mostrou personalidade.

* FOI DELE - Dashing Court (Courtier e Alta Floresta por Teton Forest), de criação e propriedade do Haras Cima, venceu de bandeira a bandeira a Taça Hipódromo do Tarumã (1ª preparatória para o Paraná), em 2.000m, areia leve (2’10”80). Uma prova que se resumiu até os 150m finais, entre o ganhador, e o favorito/estreante Mondragon, que o vigiava de perto (1/2 corpo), seguidos a vários corpos, por Just Speaker, que não corria desde outubro de 2019, Zruck Vom Ring e Tricky Step. O panorama mudou somente nos 100m finais, quando os dois primeiros visivelmente cansados, foram assediados por Just Speaker, que veio disposto a levar o páreo, porém ficou a pescoço do ganhador, mostrando que será um forte concorrente ao GP Paraná, em setembro. Depois: Mondragon (2 corpos), Tricky Step (6 ¼) e Zuruck Vom Ring (8 ¼). Bruno Queiroz foi o responsável pela direção, tendo no treinamento Olivio Zantedeschi. O seu currículo é dos mais respeitáveis, pois em 9 saídas (4 CJ, 2 CR, 3 TR) conquistou 7 vitórias (3 CJ, 2 CR, 2 TR) e 1 colocação (TR).


Dashing Court se defendeu do ataque de Just Speaker - Felipe Neves

 

* DEMAIS PÁREOS - 1º) Confirmando seu ótimo retrospecto, a favorita Amora Court (1 TR) foi para a foto. 2º) Na sua primeira apresentação Voron (1 TR) já fora bem, ficando com a dupla. Desta feita não deu susto, vencendo por mais de 5 corpos. 4º) Uma estreia auspiciosa da favorita Flor do Pampa (1 TR). Mandou na prova do início ao fim. 5º) Não foi nada fácil a conquista de Dalheconquistadora (4 CJ, 4 TR), pois teve em Inspetor Fong um grande rival. 6º) Um reaparecimento de luxo de Onore (1 TR). Brigou a reta toda com o favorito Al Katito, superando-o por ½ corpo. 7º) A estreante Legal Morena (1 TR), tomou a ponta nos 150m finais, deixando a grande favorita Mahogany (muito prejudicada) na dupla. 8º) Infinitivo (1 TR) sobrou na turma, vencendo por vários corpos. 9º) Em uma reta muito disputada, Quanto Luxo (3 TR) levou a melhor. 


Amora Court - Felipe Neves

 


Voron - Felipe Neves


Flor do Pampa - Felipe Neves

 

Dalheconquistadora - Felipe Neves

 


Onore - Felipe Neves

 


Legal Morena - Felipe Neves


Infinitivo - Felipe Neves

 


Quanto Luxo - Felipe Neves

 

* OS MELHORES - Jóqueis: Bruno Queiroz (RJ), André Luiz Silva (SP) e Marcos Ribeiro (SP) levaram 2 cada. Treinadores: 2 triunfos para Olivio Zantedeschi, Dilson Antunes e Marcos Decki. Reprodutores: Salto e Courtier, com 2 vitórias. Criador e Proprietário: 2 pontos para o Haras Cima.

* DIVERSAS - Eles confirmaram o favoritismo: Amora Court, Voron, Flor do Pampa, Infinitivo e Quanto Luxo. Média: por páreo foi de R$ 29.494,00. Irmãos próprios: Onore e Novello, são filhos de Salto e Istrana (Impression). Aprendiz 4ª: Eduardo Neves oriundo da nossa escola, estreou com vitória montando Infinitivo. Estamos na torcida por muitas conquistas.

* MAIS UMA PERDA - Vítima de um AVC... nos deixou na última sexta-feira, aos 73 anos, Laercio Geraldo Pasini. Foi diretor tesoureiro na gestão de Edison José Mauad; e Comissário de Corridas na de Roberto Hasselman. Formou com João Carlindo uma sociedade sólida, onde tiveram muitas alegrias entre 1990 e 1995. Lembramos de alguns nomes que desfilaram no Tarumã e em Cidade Jardim, envergando a farda “ouro, cinta, braçadeira e boné verde”: Apilmado (Royal Harmony), Kirsomali (Light Cavalry), Bom Lauro (Maniatao), Savoir Afaire (Hostage), etc. Mas o menino dos olhos sem dúvida foi Energia Sky (Alpine Sky e Princess Erika por Gershwin), de criação do Stud Elle Et Moi, ganhador de provas de G.1 e G.3 em Cidade Jardim e a Taça Pinheiro de Ouro (G.3) no Tarumã (líder da geração em ambos os hipódromos). Depois de desfeita a sociedade, a amizade perdurou por muitos anos, mostrando o quanto se davam bem.


Saudade quádrupla: Laercio Pasini, João Carlindo, Ivan Quintana e Energia Sky

 

* NO SÁBADO EM CIDADE JARDIM - Na Prova Especial Manoel Justino de Almeida Netto... vingou o paranaense Gato Lindo (Pioneering e Sunshine  Indy por P.T.Indy), de criação e propriedade do Haras Tuta.

* DO TARUMÃ PARA CIDADE JARDIM - Eleito favorito, Urso de Birigui (M.Decki) que reaparecia, finalizou na 4ª posição. a 3 ½ corpos do vencedor. King Terceiro (Tiger Heart/Stud Fenômeno - J. Cesar) vinha de vitória. Desta feita cruzou em 5º. Pacific Trader (Setembro Chove/Stud Guará do Sul & Chesapeake - A.Menegolo Neto) estreou com um bom 4º lugar.

* DE PONTA A PONTA A MELHOR - O treinador Julio Cesar... apresentou na prova de encerramento de sábado em Cidade Jardim, a estreante Lady Forestry (Forestry e Glad por Amigoni), de criação do Haras São José da Serra e propriedade do Stud Fenômeno, vencendo por ½ corpo. Percorreu os 1.000m (GL) em 55”774.

* COMO CRIADOR - No sábado em Cidade Jardim... mais uma vitória do Haras Santarém, através de Sicut (Tiger Heart e Nip por Impression). Mandou 1’16”778 para os 1.300m (AM). Em 22 saídas venceu 6 (CJ).

* VENDEU - No Leilão Speed 2021 realizado pela agência TBS... o Haras Cima negociou com Hilton Pires para cliente, Pedra do Kentucky (M.2019.Kentuckian e Prata Sarge por Salute The Sarge).

* VENDERAM - No Premium 2021... On Board (F.URU.2018.Midas Touch e Energia Gelada por Mutasallil) - Haras Cima para Haras e Fazenda Chantebled; Sunny Day (M.2018.Setembro Chove e Gardner por Peintre Celebre) - Stud My Hero Dad/Richard Vargas; Saxshow (F.2016.Agnes Gold e Vicky Barcelona por Vettori) - Castellano Stud/Stud Plastiplan; Novello (M.2016.Salto e Istrana por Impression) - Stud Magenta/Haras Cinco Irmãos; Força (F.2016.Salto e Ananibia por Signal Tap) - Haras Garcez Castellano/Jair Carlos; Livio Felluga (M.2017.Salto e Bintang por Public Purse) - Haras Garcez Castellano/Plinio Cruz; Poully Fume (F.2018 - Salto e Col Vetoraz por Tiger Heart) - Haras Garcez Castellano/Deuclides Gudolle.

* COMPROU -  Nobu Netuno (M.2016.T.H.Approval e Odô Iá por Punk) - Haras Phillipson/Marcus Vinicius Lanza (para cliente).

* CLÁSSICO MUCH BETTER (L) - Na Gávea... o paranaense Mapa Mundi (Cape Town e Renânia por Redattore), de criação do Haras Figueira do Lago, “entortou” os adversários, vencendo por mais de 13 corpos.

* NO MARCADOR - O treinador A.P.Santos... apresentou na segunda-feira (19) na Gávea, Galbas (Inexplicable), de propriedade do Stud D.F., empatando em 3º lugar com Investigation, do Haras Rio Iguassu

* CAIXA ECONÔMICA - Julio Cesar de Moura Rosa... acompanhou pela televisão a 3ª vitória seguida de seu Henrique Eight (Siphon), na Gávea. Desta feita conseguiu livrar cabeça no disco. Para os 1.000m (GL) assinalou 55”80. Além das vitórias acima, conta com 2 (CJ) e 1 (TR), além de 6 colocações (5 CJ, 1 GV).

* HARAS CIMA - Venceu como criador na Gávea... com o favorito Band Ship (Midshipman e Alta Floresta por Teton Forest), que livrou ¾ de corpo na transposição do disco. O treinamento está a cargo do Adélcio Menegolo. Tempo: 1’27”84 (1.400m-AM). Em 13 saídas (1 CJ, 7 GV, 5 TR) logrou êxito em 3 (1 CJ, 2 GV), além de 10 colocações (5 GV, 5 TR).

* NO CLAIMING - Na segunda-feira (19) na Gávea... o criador e proprietário pontagrossense Marcus José Andrade da Cunha adquiriu Argentine Dollar (Billion Dollar e Argentine Dodge por Dodge), de criação do Haras Alves Teixeira. Em 26 atuações (GV) obteve 4 vitórias e 16 colocações. 

* CRIAÇÃO PARANAENSE NA GÁVEA - Venceram... Negociador (1 GV), por Al Arab e Aritmética (Our Emblem), de criação Haras Figueira do Lago (1.300m-AVM - 1’21”82); Jóia Campeã (1 GV)... por Glória de Campeão e Arizona Gipsy (American Gipsy), de atropelada (1.400m-GL - 1’24”06) e Jeans (2 GV)... por Courtier e Unforgetable (Mark Of Esteem), de criação do Haras Santa Rita da Serra (1.300m-GL - 1’17”99); Justo Desejo (1 GV), por Chronnos e Desejada Tóta (Distorted Humor), treinado por Adélcio Menegolo (1.000m-GL - 55”65); Onça Chic (1 GV), por Desejado Thunder e Xique Prateada (Blade Prospector), de criação e propriedade Haras Figueira do Lago (1.000m-GL - 55”90).

* PARANÁ NO CRISTAL - No festival da última quinta-feira... a contabilizar a vitória de Don Rucca (Tiger Heart e La Itabanera por Dubai Dust), de criação do Haras Santa Rita da Serra. Em 72 atuações venceu 14, além de 45 colocações.

* INVICTA EM TRÊS ATUAÇÕES - De criação da BGC Thoroughbreds Stud, leia-se Ricardo Colombo, a paranaense Congratulations (Pioneering e Confederada por Impression), venceu o penúltimo páreo do último domingo em Maroñas.

* JOCKEY CLUB CEARENSE - No festival realizado no sábado, a registrar o triunfo de Carolina Courage (Red Rock Canyon e Gulga Linda por Hibernian Rhapsody), de criação do Haras Las Madres. 

 

   
     


© 2020 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.